Web Rádio

Henrique dispara sobre politicagem na doação do prédio para construção da sede da câmara

- RENALDO HENRIQUE DOS SANTOS - PSC - 1º SECRETARIO - - 28 de fevereiro de 2018 | - 10:55 - - Home »

O vereador Henrique de João Gogó do PSC usou a tribuna para falar sobre a situação do terreno “antiga exatoria” o qual foi doado ao município pelo governo do estado no segundo semestre do ano passado.  O vereador disse que esteve na Prefeitura e ouviu murmurinhos que a doação não será repassada ao legislativo “tem pessoas lá que plantam discórdia”. Henrique deu exemplo sobre pessoas as quais serão prejudicadas já que este projeto caso venha acontecer, beneficiará moradores adjacentes. “a gestão tem que parar de olhar politicamente, porque até aqui todos os projetos da prefeita foram votados” disse.

Sobre relatos o vereador trouxe a tribuna um assunto referente à uma servidora que teria requisitado aposentadoria e foi indeferida por ja receber outro benefício, reclamou que o Executivo suspendeu o salário antes da resposta do INSS “a servidora teve seu salário suspenso em janeiro, isso é inadmissível, onde a servidora passou humilhação”. Ainda sobre mesmo tema, Henrique disparou que de forma truculenta e irresponsável o caso foi conduzido Já que foi emitido o parecer em 21 de fevereiro, ou seja, só poderia suspender seus vencimentos partir desta data. “segundo o parecer, indeferiu o salario tendo em vista a servidora esta aposentada pelo o tempo de trabalho, o que nao é procedente, pois o INSS indeferiu o pedido por tempo de trabalho, mas a prefeitura mesmo assim manteve o corte doa vencimentos da servidora trabalhando”.

Voltando a falar do povoado taxas, o vereador disse que o ministério público e vereador não tem o poder em fechar escola, em resposta à justificativa do Executivo sobre o fechamento da escola se deu por conta da orientação à extinção do sistema multiseriado “eles nunca se preocuparam com o multiseriado, querem é mais alunos nas escolas da cidade para aumentar a gratificação dos diretores, o interesse é financeiro”. Por fim, disse que designaria um advogado particular seu para tratar desta situação junto à população do povoado Taxas.

“O promotor não está fechando, ele pode recomendar sobre o fim do multiseriado, falar que é ordem do promotor isso é mentira, vivem de enganar com falta de respeito a população” disparou.

Por fim falou sobre o início das aulas já que a atitude do executivo em marcar a volta às aulas para o dia 5 de março, e de última hora ter antecipado para o dia 26 de fevereiro, prejudicou-a todos. Onde existe inadimplência por parte do município com transporte, material escolar e mudança de alunos entre escolas. Sobre o transporte escolar o vereador disse que presenciou em que aproximadamente 60 pessoas estavam no ônibus já que comporta 35, crianças de 03 anos em pé, mães segurando seus filhos “situação que teremos que ouvir”.

DA ASSESSORIA

Deixe uma resposta

EXPEDIENTE

Praça Presidente Médici, nº 35, Monte Alegre de Sergipe, SE - CEP: 49690.000
Horário de atendimento ao cidadão.
Segunda a Sexta, 7h as 13h

CANAIS DE ATENDIMENTO

Câmara Municipal de Monte Alegre de Sergipe - CNPJ Nº 01.634.711/0001-80
contato@camarademontealegre.se.gov.br - Telefax: (79) 99687-7465
Formulário de Contato - e-SIC Serviço de Atendimento ao Cidadão
Skip to content